top of page

Divisão de Operações de Apoio à Paz da CEDEAO realiza treinamento com sucesso


A Divisão de Operações de Apoio à Paz da CEDEAO realiza com sucesso treinamento de indução e orientação



A Comissão da CEDEAO organizou recentemente um programa de indução e orientação de 5 dias para o pessoal recém-desdobrado da Divisão de Operações de Apoio à Paz (PSOD) e da Força de Prontidão da CEDEAO (ESF). O treinamento que começou no dia 16 e terminou no dia 20 de maio de 2022 visava fortalecer os mecanismos da CEDEAO para promover e manter a paz e a estabilidade, ao mesmo tempo em que se concentrava em contribuir para a prontidão do apoio da Força de Alerta às operações de apoio à paz (PSO) por meio de medidas de capacitação para civis, policiais e militares.


Nas suas palavras de boas-vindas, o Coronel-Mor Ollo Alain Pale, Chefe do PSOD da CEDEAO, sublinhou o facto de que "a formação de iniciação visa reforçar os conhecimentos dos participantes e permitir-lhes uma rápida fixação nas suas funções e o desempenho das suas funções efetivamente".


Apoiando as observações do Coronel Ollo, o Dr. Cyriaque Agnekethom, Diretor de Manutenção da Paz e Segurança Regional (DPKRS) da Comissão da CEDEAO, exortou os nomeados a prestarem muita atenção às regras e procedimentos que serão apresentados pelos Departamentos de Serviço da CEDEAO para mitigar os desafios associados Os candidatos também foram incentivados a familiarizar-se e contribuir para a implementação bem sucedida do Projeto EPSAO, que se esforça para fortalecer as capacidades do pessoal da Comissão da CEDEAO que trabalha nos níveis estratégico e operacional do FSE e com civis, policiais e militares pessoal para destacamento nas operações de apoio à paz da CEDEAO. Falando em nome do projecto GIZ-EPSAO, a Sra. Myriam Wedraogo manifestou a esperança de que “os novos quadros reforcem a capacidade do FSE tanto em número como em experiência com vista a melhorar a preparação do FSE a implantar”. A formação foi organizada com o apoio financeiro da União Europeia (UE) e do Ministério Federal Alemão para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (BMZ), através do projeto GIZ-CEDEAO Arquitetura e Operações de Paz e Segurança (EPSAO).





Comentarios


bottom of page